Amaro Freitas, gigante do jazz contemporâneo, faz show gratuito em Curitiba
13/01/2022 - 13:50

Um dos maiores representantes do jazz brasileiro da atualidade, o pianista e compositor pernambucano Amaro Freitas apresenta em Curitiba o show “Rasif”, em que revela um cruzamento de elementos da cultura popular afro-brasileira com o jazz. Com Jean Elton (baixo acústico) e Hugo Medeiros (bateria), ele forma o Amaro Freitas Trio. O show acontece no dia 22 de janeiro, às 18 horas, no Sesc Paço da Liberdade, seguindo todos os protocolos sanitários da Prefeitura de Curitiba e Anvisa. São apenas 50 ingressos, distribuídos gratuitamente uma hora antes do espetáculo no SAC do espaço cultural. 

A cultura de Pernambuco transborda naturalmente no estilo de Amaro Freitas. Influenciado pelo mestre do frevo Capiba, por Moacir Santos, Hermeto Pascoal e Egberto Gismonti, mas também pelas grandes referências do piano jazz, como Thelonious Monk, Keith Jarrett ou Chick Corea, o músico, para além do sempre predominante samba jazz, volta-se para a cultura nordestina e traduz frevo, baião, maracatu, ciranda e maxixe para a linguagem do jazz.

Pianista é um dos nomes mais importantes do jazz contemporâneo brasileiro. Foto: Divulgação

A apresentação em Curitiba é uma das últimas da turnê de “Rasif”, realizada por meio do Programa Petrobras Cultural, com patrocínio da Petrobras e Ministério do Turismo, através da Lei Federal de Incentivo à Cultura.

Contratado pelo selo londrino Far Out, o pianista já se apresentou em importantes clubes de jazz e festivais, dentre eles: Dizzy’s Jazz Club (Nova Iorque), Ronnie Scott’s (Londres), Unterfahrt Jazz Club (Munique), Casa da Música (Porto) e Bari in Jazz e Grado Jazz (Itália). Nesta trajetória, arrebatou também a crítica internacional em importantes mídias especializadas, como Jazzwise, All About Jazz, BBC Rádio e na mais prestigiada revista de jazz do mundo, Downbeat.

Lançado em 2018, “Rasif” é o segundo álbum de Amaro Freitas. Com ele, confirmou o virtuosismo e a inventividade de seu trabalho, que conquistou a crítica especializada nacional e internacional já no álbum de estreia, “Sangue Negro”, de 2016. Em junho de 2021 lançou “Sankofa”, seu mais recente trabalho, cujo projeto visual da capa foi uma criação do Acidum Project, dos cearenses Robézio e Terezadequinta. O álbum está na lista de 50 melhores discos de 2021 da Associação Paulista dos Críticos de Arte (APCA).

De Moacir Santos a Thelonious Monk
Amaro Freitas convida o público a desbravar novas rotas e experimentar a capacidade percussiva do piano, em complexos padrões matemáticos, ritmos imprevisíveis e hipnóticos. No primeiro momento do concerto, são apresentados temas como “Coisa nº 4”, de Moacir Santos – única música não autoral do repertório –, “Dona Eni”, “Samba de César” e “Trupé”. Na sequência, os músicos contrastam temas frenéticos, com “Aurora” e “Rasif”, ambos evocando momentos de plenitude. Na segunda parte, Amaro introduz uma performance solo e, na sequência, passeia pelo frevo “Encruzilhada”, além de “Vitrais” e “Mantra”. Para o público, a experiência é de um fluxo musical sem fronteiras que conecta com naturalidade o folclore do Nordeste brasileiro à vanguarda de nomes como Vijay Iyer, Craig Taborn, Thelonious Monk e dos conterrâneos Moacir Santos e Hermeto Pascoal. 

SERVIÇO
Amaro Freitas apresenta “Rasif” em Curitiba
Data: 22 de janeiro, sábado
Hora: 18h
Local: Sesc Paço da Liberdade - Praça Generoso Marques, 189 – Centro.
50 ingressos gratuitos disponíveis no SAC do Sesc Paço da Liberdade uma hora antes do evento.
Obrigatório uso de máscara.
Classificação indicativa: Livre

 

Últimas Notícias